Saltar para o conteúdo

4 principais diferenças entre a cebola doce e a cebola amarela

4 diferenças fundamentais entre a cebola doce e a cebola amarela

Sharing is caring!

Quer esteja a preparar uma sopa, um guisado, uma pizza, um prato popular mexicano ou qualquer outro prato da cozinha popular de todo o mundo, pode utilizar cebolas para o tornar mais saboroso. 

Este vegetal é um dos ingredientes mais versáteis do mundo e funciona bem em quase todos os pratos ou com quase todos os tipos de alimentos. 

Para além disso, existem vários tipos de cebolas à escolha, incluindo cebolas vermelhas, cebolas brancas, chalotas ou cebolinhas. No entanto, os dois tipos mais populares são, sem dúvida, a cebola doce e a cebola amarela. 

Além disso, muitas pessoas tendem a pensar que estes dois tipos de cebolas são iguais porque têm um aspeto bastante semelhante. 

No entanto, há certas diferenças que devem ser discutidas para que possa escolher o melhor para o seu prato favorito. 

CEBOLA DOCECEBOLINHA AMARELA
Menos utilizado na culináriaMais utilizados
Cor da pele mais claraCor da pele castanho-dourada
Forma do bolbo mais achatada, atarracada ou arredondadaBolbo mais alongado em forma de gota
Maior em tamanhoDisponível em vários tamanhos, mas ligeiramente mais pequeno
Sabor doce e suaveSabor robusto e assertivo
Ligeiramente superior em caloriasLigeiramente mais rico em fibras e vitamina B6
Pode ser consumido cruMais adequado para cozinhar

Cebola doce vs cebola amarela: Noções básicas

Antes de abordar as principais diferenças entre a cebola doce e a cebola amarela, deixe-me explicar os conceitos básicos destes dois vegetais populares. 

Cebola doce

As cebolas doces, uma variedade deliciosa e procurada deste legume versátil, possuem características distintas e atributos únicos que as distinguem das suas congéneres mais picantes.

As cebolas doces são uma categoria especializada de Allium cepa, a espécie comum de cebola. Ao contrário das cebolas amarelas convencionais, as cebolas doces são criadas para serem mais suaves. Têm uma doçura natural que faz as delícias do paladar.

É importante salientar que existem diversas variedades de cebolas doces de renome, cada uma com as suas características e regiões de cultivo distintas. 

As famosas cebolas Vidalia da Geórgia, as cebolas Walla Walla de Washington e as cebolas Maui do Havai são apenas alguns exemplos destas variedades premiadas.

As cebolas doces devem ser conservadas num local fresco, seco e bem ventilado, longe da luz solar direta. Quando armazenadas corretamente, as cebolas doces podem manter a sua frescura e sabor durante um longo período de tempo.

É igualmente importante saber como saber se uma cebola está estragada

Cebola amarela

As cebolas amarelas, o alimento básico por excelência da cozinha e um ingrediente fundamental em inúmeros pratos salgados, possuem um perfil de sabor robusto que confere profundidade e riqueza a todos os tipos de criações culinárias.

As cebolas amarelas, cientificamente designadas por Allium cepa, pertencem à espécie das cebolas comuns. São cultivadas e consumidas há séculos em várias cozinhas de todo o mundo. 

Com o seu sabor assertivo e picante, as cebolas amarelas formam a base de inúmeros pratos clássicos e são um elemento básico nas despensas das cozinhas de todo o mundo.

Tal como acontece com as cebolas doces, existem diferentes variedades de cebolas amarelas, cada uma com variações subtis de sabor e tamanho. 

As cebolas espanholas, as cebolas das Bermudas e as cebolas amarelas em forma de globo estão entre os tipos mais conhecidos desta versátil variedade de cebola.

No que diz respeito à conservação, as cebolas amarelas devem ser armazenadas num local fresco, escuro e bem ventilado, longe das batatas, uma vez que as cebolas podem absorver humidade e odores, afectando a sua longevidade e sabor.  

Comparação do aspeto físico

foto de cebola na mesa

Quase todos os tipos de cebolas são bastante semelhantes na sua aparência, e as cebolas amarelas e doces não são exceção. No entanto, há certas diferenças distintas que vale a pena conhecer. 

1. Cor da pele: As cebolas doces têm normalmente uma cor de pele mais pálida e clara em comparação com as cebolas amarelas. A pele varia entre tons dourados claros e tons âmbar claros.

As cebolas amarelas, como o seu nome indica, têm uma pele de cor castanha dourada a amarela clara. A pele é geralmente mais espessa e mais dura do que a das cebolas doces.

2. Forma da lâmpada: As cebolas doces têm frequentemente uma forma de bolbo mais achatada, atarracada ou arredondada. Não são tão alongadas ou cónicas como algumas variedades de cebolas amarelas.

As cebolas amarelas têm frequentemente um bolbo mais alongado, em forma de gota. A parte inferior afunila para uma extremidade pontiaguda.

3. Tamanho: As cebolas doces são geralmente maiores em comparação com as cebolas amarelas, com um diâmetro médio de cerca de 10 a 12,5 cm.

As cebolas amarelas existem em vários tamanhos, mas são geralmente um pouco mais pequenas do que as cebolas doces, com um diâmetro médio de cerca de 7,5 a 10 cm.

4. Textura da pele: A pele das cebolas doces é geralmente mais fina e mais lisa do que a das cebolas amarelas. Pode parecer ligeiramente cerosa ao tato.

A pele das cebolas amarelas é mais áspera e mais parecida com papel do que a das cebolas doces. Pode parecer mais seca e com mais textura.

5. Cor da carne: A polpa das cebolas doces tem uma cor tipicamente marfim a esbranquiçada. Quando se corta uma cebola doce, nota-se que as camadas interiores têm um aspeto translúcido.

A polpa das cebolas amarelas é branca a creme, com um aspeto mais opaco do que a polpa translúcida das cebolas doces.

Algumas cebolas, especialmente as variedades vermelhas, podem ficar azuis em determinadas circunstâncias, mas é preciso saber que não existe cebolas azuis

Comparação do perfil de sabor

Tanto a cebola doce como a amarela têm perfis de sabor distintos que as tornam adequadas para diferentes aplicações culinárias. 

1. Suavidade: A caraterística mais marcante das cebolas doces é a sua suavidade. Têm um sabor mais suave e menos assertivo em comparação com as cebolas amarelas.

Por outro lado, as cebolas amarelas são apreciadas pelo seu sabor robusto e assertivo. Têm um sabor a cebola mais forte e mais pronunciado do que as cebolas doces.

2. Nível de doçura: Como o nome sugere, as cebolas doces são conhecidas pelo seu sabor doce natural. Quando consumidas cruas, oferecem uma doçura agradável e delicada, com apenas um toque de picante.

É claro que não sabe a favo de melmas é um nível decente de doçura para uma cebola.

As cebolas amarelas têm níveis mais elevados de compostos de enxofre, que contribuem para a sua pungência. Quando comidas cruas, podem ser bastante afiadas e induzir o rasgamento.

3. Tang subtil vs Umami: Apesar do seu sabor doce, as cebolas doces podem ter um ligeiro travo que acrescenta profundidade ao seu perfil de sabor sem sobrecarregar o paladar.

Quando cozinhadas, as cebolas amarelas sofrem uma transformação deliciosa, desenvolvendo notas umami profundas, ricas e saborosas. Esta transformação torna-as numa base essencial para inúmeros pratos salgados.

4. Potencial de caramelização: Devido ao seu maior teor de açúcar, as cebolas doces caramelizam bem, acrescentando doçura aos pratos.

No entanto, as cebolas amarelas caramelizam ainda melhor, desenvolvendo um sabor profundamente aromático e ligeiramente doce durante o processo de cozedura.

Perfis nutricionais

cebola cortada e inteira numa tábua de cortar

As cebolas doces e as cebolas amarelas têm algumas diferenças nos seus perfis nutricionais, incluindo o seu conteúdo calórico, hidratos de carbono, fibras, vitaminas e minerais. Vamos explorar as variações específicas na sua composição nutricional:

1. Calorias: As cebolas doces são relativamente baixas em calorias, com uma média de cerca de 40 calorias por 100 gramas (3,5 onças).

As cebolas amarelas são ligeiramente mais baixas em calorias, mas nada de significativo. 

2. Hidratos de carbono: Tanto a cebola doce como a amarela são moderadamente ricas em hidratos de carbono, principalmente sob a forma de açúcares naturais. Ambas as variedades contêm cerca de 9 gramas de hidratos de carbono por 100 gramas. 

3. Fibra: As cebolas doces fornecem uma quantidade moderada de fibra alimentar, contribuindo para a saúde digestiva. Contêm aproximadamente 1,5 gramas de fibra por 100 gramas.

As cebolas amarelas oferecem uma quantidade ligeiramente superior de fibra alimentar em comparação com as cebolas doces, com aproximadamente 1,7 gramas de fibra por 100 gramas.

4. Vitaminas: Ambos os tipos de cebola contêm uma quantidade bastante razoável de vitamina C. Ambos contêm vitamina B6, que desempenha um papel importante no metabolismo e no funcionamento do sistema nervoso. 

No entanto, existe uma quantidade ligeiramente superior de vitamina B6 nas cebolas amarelas. 

5. Minerais: O conteúdo mineral das cebolas doces e amarelas é praticamente o mesmo. Ambas as variedades contêm vários minerais essenciais, incluindo o potássio, que é crucial para a saúde do coração. 

Também fornecem pequenas quantidades de cálcio, ferro e magnésio. 

Utilizações culinárias

Uma vez que têm perfis de sabor distintos, as cebolas doces e amarelas têm também aplicações culinárias ligeiramente diferentes. 

Cebolas doces

Uma vez que são suaves e têm uma boa dose de doçura, é ideal comer cebolas doces cruas. São um perfeito acompanhamento para sandes, cortar em saladas ou guarnecer pratos crus como o ceviche. 

Se não gostar da ideia de as comer cruas, pode salteá-los. Quando ligeiramente salteadas, as cebolas doces mantêm o seu sabor delicado e acrescentam um toque de doçura ao prato. Funcionam bem em salteados ou como base para omeletes.

Grelhar é uma escolha clássica para todos os tipos de cebolas, mas as cebolas doces grelhadas estão numa classe à parte. 

As cebolas doces caramelizam lindamente quando grelhadas, fazendo sobressair os seus açúcares naturais e conferindo uma doçura deliciosa ao prato cozinhado. As cebolas doces grelhadas são um acompanhamento fantástico ou um complemento para carnes grelhadas. 

Por último, as cebolas doces complementam os pratos que requerem um sabor suave a cebola, como quiches, frittatas e sopas delicadasE também funcionam perfeitamente bem em molhos e salsas crus, acrescentando sabor sem sobrecarregar o resto dos ingredientes. 

Cebolas amarelas

Devido ao seu sabor forte, as cebolas amarelas não são realmente adequadas para serem consumidas cruas. No entanto, esse mesmo sabor torna-as uma escolha preferida para pratos cozinhados que exijam um sabor forte a cebola. 

São normalmente utilizados como base para sopas, guisados, molhos e caril, onde proporcionam uma base rica e saborosa.

Uma vez que caramelizam ainda melhor do que as cebolas doces, cozinhadas lentamente ou salteadas, desenvolvem um sabor profundo e doce que realça pratos como a sopa de cebola francesa ou as tartes de cebola caramelizada.

Também resistem bem a temperaturas mais elevadas e a métodos de cozedura intensos, o que os torna adequados para salteados e pratos salteados, onde o seu sabor robusto se destaca.

As cebolas amarelas também são óptimas quando assadas ou cozidas. Ficam tenras e adquirem uma doçura deliciosa, acrescentando profundidade às misturas de legumes assados ou como acompanhamento de assados.

Adoro cebolas amarelas com um pouco de azeite e alecrim ou substitutos do alecrim. De facto, as cebolas doces combinam perfeitamente com chimichanga ou burritose tenho a certeza que os cozinheiros caseiros também vão adorar.

Como escolher a cebola certa para o seu prato?

cebola amarela num monte

Agora que conhece as principais diferenças entre a cebola doce e a cebola amarela, poderá concluir, em certa medida, qual delas funcionará melhor no seu prato. No entanto, vou tentar explicar brevemente como escolher a cebola perfeita para o prato perfeito. 

1. Considerar o perfil do sabor: 

Cebolas doces: Opte por cebolas doces, como as variedades Vidalia, Walla Walla ou Maui, quando desejar um sabor suave e ligeiramente doce. 

Funcionam maravilhosamente em pratos crus, saladas e receitas que exigem um sabor delicado de cebola sem sobrecarregar os outros ingredientes.

Cebolas amarelas: Escolha cebolas amarelas, como as variedades espanhola, bermuda ou globo, quando precisar de um sabor forte e assertivo de cebola. São excelentes para pratos cozinhados, sopas, guisados e delícias caramelizadas, onde o seu sabor robusto brilha.

2. Preparações cruas versus preparações cozinhadas: 

Pratos crus: Se a sua receita envolver a utilização de cebolas cruas, como em saladas, salsas ou guarnições, opte por cebolas doces. A sua suavidade e doçura natural irão realçar o prato sem se sobreporem aos outros ingredientes frescos.

Pratos cozinhados: Para receitas que requerem cebolas cozinhadas, como salteados, sopas ou caçarolas, as cebolas amarelas são a escolha mais adequada. O seu sabor robusto resiste ao processo de cozedura e confere profundidade ao prato.

3. Caramelização e grelhagem: 

Para caramelização: Quando planeia caramelizar cebolas, transformando-as em fios dourados e doces de sabor, as cebolas amarelas são a sua melhor aposta. O seu teor de açúcar mais elevado é perfeito para obter um resultado caramelizado delicioso.

Para grelhar: As cebolas doces funcionam excecionalmente bem para grelhar, uma vez que a sua doçura natural se intensifica quando expostas ao calor elevado, criando um delicioso sabor doce-fumado.

4. Disponibilidade sazonal: 

Considere a disponibilidade de diferentes variedades de cebola e a estação atual na sua região. As cebolas doces são frequentemente sazonais e podem ser mais abundantes durante meses específicos, enquanto as cebolas amarelas estão geralmente disponíveis durante todo o ano.

5. Textura e tamanho: 

Tenha em mente os requisitos de textura e tamanho do seu prato. As cebolas doces são normalmente maiores e têm uma textura mais delicada, o que as torna ideais para pratos crus. 

As cebolas amarelas, por serem mais robustas e firmes, são adequadas para métodos de cozedura prolongados e para pratos que beneficiam de uma presença forte de cebola.

4 principais diferenças entre a cebola doce e a cebola amarela